top of page

Focado nos anos 1960-70, o livro é baseado em pesquisa documental e depoimentos de artistas, jornalistas e intelectuais de como era a vida social e cultural na capital paulista. Até 1968, a animada fusão entre intelecto, arte e política era configurada pelas dinâmicas da Faculdade de Filosofia e dos núcleos universitários próximos. Nessa região, casas noturnas, cineclubes, museus e teatros eram o cenário desses encontros. A remoção dos estudantes da USP para o outro lado do rio Pinheiros fez surgir uma nova geografia cultural. Com espaços mais informais e flexíveis, o circuito boêmio se expandiu de Vila Buarque, praça Roosevelt e Centro Novo até o núcleo ao redor da Cidade Universitária e da Vila Madalena.

Eram a Consolação- Sociabilidade e cultura em São Paulo nos anos 1960 e 1970

R$ 72,00Preço
Somente 1 em estoque
    bottom of page