Num único volume, toda ficção escrita pelo autor chileno, desde sua estreia com o aclamado Bonsai até o inclassificável Múltipla escolha.

Alejandro Zambra é sem dúvida uma das principais vozes da literatura mundial hoje. Neste volume, estão reunidos de forma inédita Bonsai (2006), A vida privada das árvores (2007), Formas de voltar para casa (2011), Meus documentos (2013) e Múltipla escolha (2014). O livro traz ainda nove histórias dispersas, publicadas em revistas, jornais e antologias. O que há em comum aqui é o tom, cristalino, delicado, com que Zambra conduz suas tramas. "O tom é a sua grande invenção", anotou o argentino Alan Pauls, um dos que fazem parte da irmandade cada vez mais numerosa de admiradores de Alejandro Zambra.
Bonsai é a história de um amor, o de Julio e Emilia, e é a história do fim deste amor. Não seria errado dizer que é também uma história sobre a consciência do fim. Em A vida privada das árvores, um homem, Julián, e sua enteada, Daniela, distraem as horas enquanto esperam que a mãe da menina volte para casa. O romance se passa numa única noite, e dentro dela estão uma série de histórias sobre a vida das árvores ― e sobre todos nós.
Formas de voltar para casa marca uma virada, coloca em cena os anos 1970 no Chile, os anos do golpe de Pinochet, mas também, e sobretudo, a década de 1980 e a geração daqueles que eram crianças ou adolescentes durante a ditadura. Meus documentos reúne onze romances de formação em miniatura; contos de amor e descoberta, nos quais a intimidade se mescla ao ar sangrento do passado chileno ― o mesmo ar que se espalha por toda a radicalidade de Múltipla escolha. Um conjunto impressionante de histórias perfeitas.

"Li os romances de Alejandro Zambra um após o outro, porque eram muito boa companhia. Seus livros são como o telefonema de um velho amigo tarde da noite, e logo senti saudade daquela voz elegante e divertida do outro lado da linha, com suas histórias belas e extraordinárias." ― Nicole Krauss

Ficção 2006-2014

R$79.90Preço