Neste livro que já se tornou um clássico, o renomado primatólogo Frans de Waal analisa a ascensão e a queda da visão mecanicista sobre os animais e nos mostra que eles possuem mentes muito mais complexas e intrincadas do que costumamos supor.

O que diferencia a mente humana da mente de um animal? De modo geral, rebatemos que é o senso de identidade, a capacidade de construir ferramentas, de projetar o futuro e compreender o passado ― características que ajudaram a nos definir como a espécie mais proeminente do planeta. Mas, nas últimas décadas, essa singularidade vem sendo posta à prova por uma revolução nos estudos da cognição animal.
Baseado nas mais contundentes pesquisas, Frans de Waal explora aqui as evidências da inteligência animal e a extensão de sua profundidade ― polvos coletam cascas de coco como ferramentas de proteção; elefantes fazem distinções sofisticadas no que diz respeito a inimigos potenciais; e Alex, um papagaio-cinzento africano, atribui nomes a objetos com admirável precisão.
Com protagonistas tão diversos como cães, golfinhos, vespas, morcegos, baleias e, claro, chimpanzés e bonobos, esta obra é um relato fascinante de como a ciência superou o behaviorismo, revelando o quanto os animais são realmente inteligentes e como por muito tempo subestimamos suas habilidades.

Somos inteligentes o bastante para saber quão inteligentes são os animais?

R$99.90Preço