Descubra um retrato inédito da história estadunidense contemporânea pelo diário de viagem de Joan Didion, uma das vozes mais importantes do novo jornalismo.

 

“Uma das ensaístas mais reverenciadas da literatura contemporânea revive seus registros brutais de uma viagem de carro nos anos 1970 pelo Sudoeste americano… Suas observações aguçadas da cultura e da história do país parecem particularmente ressonantes nos dias atuais.” – Harper’s Bazaar

 

Joan Didion sempre manteve cadernos com diálogos, entrevistas, rascunhos de ensaios e cópias de artigos. Em Sul e Oeste, ela compartilha dois trechos estendidos de anotações escritas na década de 1970; lidos juntos, eles formam uma visão penetrante da paisagem política e cultural estadunisense.

“Notas sobre o Sul” traça uma viagem que ela e seu marido, John Gregory Dunne, fizeram por Louisiana, Mississippi e Alabama. Com observações perspicazes sobre as pequenas cidades pelas quais passaram, entrevistas com figuras locais e sua preocupação com raça, classe e herança descrevem um Sul praticamente inalterado até hoje. Já em “Notas da Califórnia”, ela escreve sobre o Ocidente e sua própria educação em Sacramento. Aqui, não vemos apenas a ironia e a imaginação de Didion em jogo, mas também um vislumbre esclarecedor de sua criação e privilégios, de sua mente e do processo de escrita que a tornou uma das jornalistas mais proeminentes de seu tempo.

Com prefácios de Nathaniel Rich e Noemi Jaffe para a edição brasileira, Sul e Oeste é um retrato fiel dos Estados Unidos da década de 1970, e mais uma das obras-primas de uma das maiores vozes do jornalismo estadunidense.

Sul e Oeste

R$49.90Preço